fbpx

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
 
Radio Sanca Web TV - Terça, 08 Junho 2021

 

SÃO CARLOS/SP - A partir desta quinta-feira, dia 10 de junho, a Secretaria Municipal de Saúde, por meio dos departamentos de Vigilância em Saúde e de Gestão do Cuidado Ambulatorial, inicia a vacinação de profissionais da educação básica com 45 anos ou mais, de gestantes sem comorbidades a partir de 18 anos, puérperas sem comorbidades com 18 anos ou mais com até 45 dias após o parto; de Pessoas com Deficiência Permanente (PCD) sem Benefício de Prestação Continuada (BPC) e de aeroviários. As gestantes com comorbidades também vão ser imunizadas com a segunda dose da Coronavac.
São Carlos recebeu 6.800 doses da vacina contra a COVID-19 para inclusão desses grupos, sendo 1.400 vacinas para aeroviários (a vacinação vai ser realizada diretamente na Latam), 390  para profissionais da educação, 1.740 doses da Coronavac para imunizar gestantes e puérperas sem comorbidades com 18 anos ou mais, 490 doses da Coronavac para aplicação da segunda dose em gestantes com comorbidades, além de 2.360 doses para vacinar 50% de pessoas com deficiência permanente.
A vacinação também continua para outros grupos prioritários em primeira e segunda doses, como idosos com 60 anos ou mais, profissionais de saúde e do transporte público coletivo (motoristas e cobradores).
Para ser imunizado, todos precisam se cadastrar antecipadamente no site www.vacinaja.sp.gov.br e, no dia da vacinação, levar impresso o formulário de vacinação disponível no link http://coronavirus.saocarlos.sp.gov.br/VacinaJa. No caso de comorbidades o relatório médico deve ser preenchido pelo médico que trata o paciente (lista de comorbidades disponível no site http://coronavirus.saocarlos.sp.gov.br/RelatorioComorbidades) e documento com foto e CPF.
As pessoas com deficiência permanente (física/sensorial/intelectual) devem apresentar laudo médico que indique a deficiência; ou comprovação de atendimento em centro de reabilitação ou unidades especializadas; ou documento oficial com indicação da deficiência; ou cartões de gratuidade do transporte público; ou autodeclaração (na ausência de outro tipo de documento).
As gestantes sem comorbidades devem apresentar a carteira de gestante e as puérperas devem apresentar a certidão de nascimento do filho ou declaração de nascimento da maternidade.
Os profissionais de saúde em primeira dose necessitam da carta de aprovação da Vigilância Epidemiológica (apenas para primeira dose) e os profissionais de educação e do transporte público coletivo, a entrega do impresso com o QR Code.
Já as pessoas que forem imunizadas em segunda dose devem apresentar apenas documento com foto e CPF e a carteira de vacinação.

LOCAIS – As unidades básicas de saúde (UBS’s) do Cidade Aracy, Azulville, Redenção, Santa Felícia e Vila São José, aplicam a vacina das 9h às 15h. Os postos volantes com sistema drive thru da FESC, na Vila Nery e do Estádio Municipal Prof. Luís Augusto de Oliveira “Luisão”, na Vila Prado, vão atender somente os idosos com 60 anos ou mais em primeira e segunda doses, professores com 45 anos ou mais e profissionais da saúde em primeira ou segunda doses, sempre das 9h às 13h.

Publicado em Coronavírus

 

SÃO CARLOS/SP - A campanha “Vacina Contra a Fome”, ação desenvolvida pelo Governo do Estado de São Paulo em parceria com os municípios e que tem como objetivo promover uma grande mobilização social para o combate da insegurança alimentar das famílias em situação de vulnerabilidade, já arrecadou 10 toneladas de alimentos não perecíveis em São Carlos.
A ação que começou no 2 de abril é coordenada pela Secretaria Municipal de Cidadania e Assistência Social em parceria com a Secretaria de Saúde. A doação é realizada por pessoas aptas a se vacinar contra a COVID-19 que na hora da imunização podem doar um quilo ou mais de alimentos não perecíveis.


As 10 toneladas de alimentos já arrecadados nas Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) e nos postos volantes com sistema drive thru instalados na FESC, na Vila Nery e no Estádio do Luisão, na Vila Prado, já foram repassadas para as seguintes entidades: Obras Sociais Francisco Thiesen, Nosso Lar, Estrela da Manhã, ONG Mid, ACORDE, Espaço Azul, Salesianos, MOVA São Carlos, Projeto Madre Cabrini, Cantinho Fraterno, Nave Sal da Terra, Escola de Futebol Chute Inicial, Igreja do Evangelho Quadrangular, Formiga Verde, Abrigo de Idosos Helena Dornfeld, Comunidade Missionária Divina Misericórdia, Núcleo Rotary do São Carlos VIII e PROARA.


De acordo com a secretária de Cidadania e Assistência Social todas as unidades fixas de saúde e os postos volantes estão preparados para receber as doações de alimentos perecíveis. “O objetivo da campanha é beneficiar famílias carentes e com déficit nutricional durante o enfrentamento da COVID-19. O município já faz o atendimento às famílias em situação de vulnerabilidade, portanto essa é uma ação complementar. Antes da pandemia eram repassadas de 350 a 400 cestas básicas por mês, hoje são mais de 1.600 famílias atendidas pela Prefeitura de São Carlos”, disse Glaziela Solfa Marques.

Publicado em Outras Notícias

 

SÃO CARLOS/SP - A Vigilância Epidemiológica de São Carlos confirma nesta quarta-feira (09/06) mais quatro mortes por COVID-19 no município, totalizando 374 óbitos.
Na terça-feira (08/06) foram registrados três óbitos: um homem de 63 anos, internado em hospital público desde 13/05; um homem de 70 anos, internado em hospital público em 05/06 e um homem de 69 anos, internado em hospital privado desde 04/05. Nesta quarta-feira (09/06) também morreu uma mulher de 61 anos, internada em hospital público desde 27/05.
São Carlos contabiliza neste momento 20.489 casos positivos para COVID-19 (170 resultados positivos foram divulgados hoje), com 374 óbitos confirmados e 129 descartados.
Dos 20.489 casos positivos, 18.766 pessoas apresentaram síndrome gripal e não foram internadas, 30 óbitos sem internação, 1.693 pessoas precisaram de internação devido a COVID-19, 1.241 receberam alta hospitalar e 344 positivos internados foram a óbito. 19.625 pessoas já se recuperaram totalmente da doença. 38.102 casos suspeitos já foram descartados para o novo coronavírus (164 resultados negativos foram liberados hoje).
Estão internadas neste momento 130 pessoas, sendo 42 adultos na enfermaria. 9 pacientes estão em Unidades de Cuidados Intermediários (UCI - Santa Casa), 6 estão em Unidades de Suporte Ventilatório (USV – HU/UFSCar). No total na UTI adulto estão internadas 67 pessoas, sendo 41 em leitos de UTI/SUS e 26 em leitos de UTI da rede particular. Na enfermaria SUS 5 crianças estão internadas. 1criança ocupa vaga de UT/SUS neste momento. 13 pacientes de outros municípios estão internados em São Carlos neste momento, sendo 7 em leitos de UTI/SUS, 2 em leito de UTI particular, 3 em UCI e 1 em enfermaria particular.
A taxa de ocupação dos leitos especiais para COVID-19 de UTI/SUS adulto está em 93,18% (41 adultos estão internados).
Neste momento o município disponibiliza 44 leitos adulto de UTI/SUS para COVID-19, já que a Santa Casa voltou a operar com 30 leitos adulto para UTI/SUS (reabriu 3 leitos que estavam fechados), 20 leitos de UCI e 6 de UTI infantil e o Hospital Universitário (HU/UFSCar) opera com 14 leitos de UTI/SUS adulto e 4 de Unidade de Suporte Ventilatório (USV).

UPA – 14 pessoas estão neste momento sendo atendidas em leito de estabilização da UPA do Santa Felícia e do Centro de Triagem. Os pacientes já estão cadastrados e aguardam transferência via CROSS.

NOTIFICAÇÕES – Já passaram pelo sistema de notificação de Síndrome Gripal do município 69.702 pessoas desde o dia 21 de março, sendo que 67.115 pessoas já cumpriram o período de isolamento e 2.587 ainda continuam em isolamento domiciliar.
A Prefeitura de São Carlos está fazendo testes do tipo PCR em pessoas que passam em atendimento nos serviços públicos de saúde com Síndrome Gripal sendo que 45.601 pessoas já realizaram coleta de exames, 32.082 tiveram resultado negativo para COVID-19, 13.339 apresentaram resultado positivo (esses resultados já estão contabilizados no total de casos). 180 aguardam resultado de exame.

Publicado em Coronavírus

SÃO CARLOS/SP - Um incêndio na tarde desta quarta-feira (9) deixou vários barracos destruídos na rua João Brotas com a Rua Tetracampeonato, no bairro Cidade Aracy.

Segundo o apurado pela nossa equipe, o fogo seria criminoso, foi incendiado um monte de entulho que estava próximo ao barracão, e as chamas se alastraram atingindo os barracões da área.

Com o fogo, todo material que estava nos barracões se perderam e as pessoas que ainda não tinham ido morar no local infelizmente perderam seus bens e não poderão se mudar.

Felizmente ninguém ficou ferido, entretanto todo material foi perdido e diversos barracões foram avariados.

Estiveram no local a AB09401, a ABS09303, a UR 09410 e a ABE09401 todas do Corpo de Bombeiros, a Polícia Militar também esteve no local.

Publicado em Outras Notícias

SÃO CARLOS/SP - A Unimed São Carlos enviou na manhã desta quarta-feira (9) para toda a imprensa, um comunicado afirmando que a cooperativa está quase com 100% de seus leitos tanto na Santa Casa de São Carlos, quanto no próprio hospital, ocupados por pacientes com COVID-19, inclusive no comunicado afirma que o hospital unidade 1 está com 150% de ocupação.

A Rádio Sanca reforça que é de suma importância continuar mantendo o distanciamento social, o uso de máscara, é fundamental que cada um respeite o limite máximo de 1,5 metros e façam a utilização do álcool em gel sempre que não for possível lavar as mãos com água e sabão. Vamos fazer a nossa parte, e acabar de vez com a superlotação dos hospitais.

Veja o comunicado completo enviado pela Unimed São Carlos:

Comunicado Unimed São Carlos à imprensa

 

Considerando o importante papel da imprensa local, bem como sua posição de extrema relevância junto à sociedade, a Unimed São Carlos vem manifestar sua extrema preocupação com o cenário da pandemia na cidade de São Carlos e região, bem como em suas unidades.

Nos últimos dias, a Unimed de São Carlos vem registrando alta demanda de internações, tanto em sua enfermaria, localizada no espaço da Cooperativa na Santa Casa, como na UTI, no Hospital da Unimed São Carlos – Unidade 1. A taxa de ocupação chegou a quase 100% na enfermaria e na UTI o índice chegou a quase 150% da ocupação, resultando na necessidade de ações emergenciais que possibilitaram o pleno atendimento a todos os beneficiários, e ao mesmo tempo mantendo o máximo possível de cirurgias.

Vale destacar o esforço dos nossos profissionais que, mesmo cansados, não estão medindo esforços para oferecer o melhor serviço, atenção e os cuidados necessários nessa fase tão difícil. Entretanto, essa luta é de todos.

Assim, mais uma vez alertamos que o pior da pandemia ainda não passou. Os casos aumentam cada vez mais e a vacinação ainda está longe de permitir um afrouxamento das medidas de segurança. Todos estão cansados, mas ainda não é hora de baixar a guarda e permitir um caos ainda maior no sistema de saúde e, consequentemente, a perda de familiares e amigos próximos.

Contamos com o apoio de todos!

Publicado em Coronavírus

SÃO CARLOS/SP - Durante o último programa ‘Falando com Deus’, (08/06), apresentado pelo jornalista Ivan Lucas, a internauta Raquel Gavassa, pediu orações para filha, pois ela estava sem insulina.

Ainda durante o programa religioso, a mãe disse que foi até a Farmácia de Auto Custo e a resposta eram duas: 1ª Que não tinha a medicação e 2ª Que não tem previsão para chegada de medicamentos.

No dia 08 de janeiro, deste mesmo ano, a mesma mãe entrou em contato pelo WhatsApp da Rádio Sanca e explanou o mesmo problema, ou seja, aparentemente um problema que ocorre com frequência.

Questionada a mãe disse que frequentemente esse problema acontece. “Ivan Lucas, no ajude, pois vira e mexe isso ocorre, e eu como mãe fico desesperada e revoltada, pois minha filha pode morrer” desabafou a mãe.

Durante o ‘Falando com Deus’, uma mulher que pediu para não se identificar (quem assistir o programa vai saber quem é), através de parceiros, conseguiram comprar uma insulina para criança.

“Quero agradecer a Rádio Sanca, através do Ivan, pois mesmo por incompetência do poder público, anjos como vocês aparecem e ajudam. Quero agradecer a Deus, pois durante o programa foi me acalmando e minutos depois a providência Divina aconteceu. Obrigada a mulher que intermediou isso depois do programa da Rádio Sanca” agradeceu Raquel.

Uma pessoa conseguiu, e as outras que precisam? O governador Doria diz que “precisamos salvar vidas” em relação à Covid-19, e ele está certo, porém e as outras enfermidades, onde falta atendimento médico e remédios, ou seja, as pessoas podem sim perder suas vidas por não serem atendidas e não ter remédios nos equipamentos públicos de saúde.

Nossa reportagem entrou em contato com a prefeitura que soltou a seguinte nota:

"A Prefeitura Municipal de São Carlos já notificou a empresa que foi vencedora do Fornecimento do medicamento insulinas e ira realizar a compra emergencial para atender os pacientes que estão com falta desse medicamento!"

Publicado em Cidadania

SÃO PAULO/SP - O governo do estado de São Paulo prorrogou, nesta quarta-feira (9), a fase de transição do plano de flexibilização econômica até o dia 30 de junho. Inicialmente, a previsão era de que a etapa se encerrasse no dia 14 de junho. A informação foi anunciada durante coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes, na capital paulista.

O estado de São Paulo registrou, na terça-feira (8), 11.189 pacientes internados com covid-19 em unidades de terapia intensiva e 13.358 em enfermarias. No total, o estado soma 24.547 internados. O número supera a previsão dada pelo Comitê de Gerenciamento de Covid-19 do governo paulista para um eventual novo aumento da pandemia.

 

 

 

*Do R7

Publicado em Coronavírus

BRASÍLIA/DF - Os trabalhadores informais e inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) nascidos em junho podem sacar, a partir desta quarta-feira (9), a segunda parcela do auxílio emergencial 2021. O dinheiro havia sido depositado nas contas poupança digitais da Caixa Econômica Federal em 22 de maio. A terceira parcela poderá ser sacada, a partir de 27 de julho, e a quarta a partir de 27 de agosto.

Os recursos também poderão ser transferidos para uma conta-corrente, sem custos para o usuário. Até agora, o dinheiro apenas podia ser movimentado por meio do aplicativo Caixa Tem, que permite o pagamento de contas domésticas (água, luz, telefone e gás), de boletos, compras em lojas virtuais ou compras com o código QR (versão avançada do código de barras) em maquininhas de estabelecimentos parceiros.

Em caso de dúvidas, a central telefônica 111 da Caixa funciona de segunda a domingo, das 7h às 22h. Além disso, o beneficiário pode consultar o site auxilio.caixa.gov.br.

CALENDÁRIO DA SEGUNDA
PARCELA DO AUXÍLIO EMERGENCIAL 2021

CALENDÁRIO DA SEGUNDA PARCELA DO AUXÍLIO EMERGENCIAL 2021 - Divulgação Governo Federal

Prorrogação

Nessa terça-feira (9) o ministro da Economia, Paulo Guedes, informou que o auxílio emergencial será prorrogado por pelo menos mais dois meses. Previsto para terminar em julho, o benefício será estendido até setembro, mas esse período ainda poderá ser ampliado, caso a vacinação da população adulta não esteja avançada.

“O presidente Jair Bolsonaro é quem vai decidir o prazo. Primeiro, esses dois ou três meses, e então devemos aterrissar em um novo programa social que vai substituir o Bolsa Família”,  disse.

Segundo Guedes, os recursos para a prorrogação do auxílio serão viabilizados por meio de abertura de crédito extraordinário. Atualmente, o custo mensal do programa, que paga um benefício médio de R$ 250 por família, é de R$ 9 bilhões.  

O auxílio emergencial foi criado em abril do ano passado pelo governo federal para atender pessoas vulneráveis afetadas pela pandemia de covid-19. Ele foi pago em cinco parcelas de R$ 600 ou R$ 1,2 mil para mães chefes de família monoparental e, depois, estendido até 31 de dezembro de 2020 em até quatro parcelas de R$ 300 ou R$ 600 cada.

Neste ano, a nova rodada de pagamentos, durante quatro meses, prevê parcelas de R$ 150 a R$ 375, dependendo do perfil: as famílias, em geral, recebem R$ 250; a família monoparental, chefiada por uma mulher, recebe R$ 375; e pessoas que moram sozinhas recebem R$ 150.

 

 

*Por Agência Brasil

Publicado em Economia

SÃO CARLOS/SP - A Secretaria Municipal de Cidadania e Assistência Social, por meio do Centro POP (Centro de Referência para População em Situação de Rua), em parceria com a Paróquia São João Batista, comunidade Missionária Divina Misericórdia e demais grupos de voluntários, em virtude da queda na temperatura prevista para os próximos dias, inicia nesta quarta-feira (09/06), a partir das 17h, a operação frente fria para atender e acolher a população em situação de rua.

A ronda será realizada até domingo (13/06), tempo que deve permanecer a frente fria na cidade. A equipe visitará todos os pontos e os moradores serão convidados a pernoitar na Casa de Passagem (antigo Albergue Noturno) e no espaço preparado para receber essas pessoas na Igreja São João Batista, com total de 50 vagas.

Além do distanciamento necessário em virtude da pandemia do novo coronavírus, durante a acolhida todos vão receber cobertores e um kit de higiene pessoal com máscaras, álcool em gel, sabonete e toalha, além de alimentação.

A secretária de Cidadania e Assistência Social, Glaziela Solfa Marques, agradece a parceria da Paróquia São João Batista, das entidades e grupos voluntários. “É uma parceria necessária, pois dessa forma ampliamos os atendimentos. Realmente temos algumas situações de pessoas que não aceitam ir para o acolhimento, mas durante a ronda informamos a disponibilidade desse serviço a todos e devido ao frio, muitos acabam aceitando”, conta a secretária.

A população em situação de rua também tem a disposição os serviços oferecidos pela Secretaria de Cidadania e Assistência Social, por meio do Centro POP, localizado na rua São Joaquim, 818, no Centro. Já a Casa de Passagem fica na rua Rotary Clube, 101, na Vila Marina e a Igreja São João Batista, na rua Antônio Carlos Ferraz Sales, 1.315, no bairro São João Batista.

Publicado em Cidadania

SÃO CARLOS/SP - Guardas Municipais conseguiram deter dois sujeitos pela prática de furto na última terça-feira (08), em São Carlos.

Segundo apurado, os GMs realizavam o patrulhamento quando na Rua Paulino Botelho de Abreu Sampaio, foi visualizado M.M.O (26 anos), carregando um saco de lixo, e na esquina da Rua Dona Maria Jacinta, estava R.R do S (36 anos), que também foi abordado.

No saco de lixo que estava com M.M.O, foi encontrado certa quantia de fios elétricos, 01 faca e 01 cuba de pia. Já no local onde estava R.R. do S, foi constatado que a caixa de energia de um salão comercial estava danificada e com os fios cortados, e no chão havia uma faca.

Ambos foram conduzidos ao Plantão Policial, onde tiveram que se explicar ao delegado, e depois foram liberados.

Publicado em Policial

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Junho 2021 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30