fbpx

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
 

BUDAPESTE - Dois gols de pênalti de Cristiano Ronaldo ajudaram Portugal a se classificar para as oitavas de final da Eurocopa, após um empate por 2 a 2 com a França na quarta-feira (23), em uma conclusão dramática do Grupo F, que também teve a classificação da Alemanha.

A campeã mundial França garantiu a primeira posição no chamado grupo da morte, no qual a Alemanha terminou em segundo lugar e Portugal em terceiro, com os mesmos pontos dos alemães.

Cristiano Ronaldo colocou seu time na frente em cobrança de pênalti para se tornar o primeiro europeu na história de Copa do Mundo e da Eurocopa a marcar um total de 20 gols nas duas competições.

Continua depois da publicidade

O atacante francês Karim Benzema marcou dois gols para colocar seu time à frente do placar, mas Cristiano Ronaldo empatou novamente de pênalti e igualou o iraniano Ali Daei como maior artilheiro de seleção com 109 gols.

Já a Alemanha teve de se recuperar de uma desvantagem para empatar em 2 a 2 com a Hungria em Munique, eliminando os húngaros, enquanto Portugal resistiu à pressão francesa em Budapeste para garantir um confronto com a Bélgica nas oitavas de final, no dia 27 de junho, em Sevilha.

A França enfrentará a Suíça em Bucareste no dia 28, um dia antes de a Alemanha encarar a Inglaterra em Wembley.

 

 

*Por Peter Hall / REUTERS

RIO DE JANEIRO/RJ - Um gol de Casemiro, no último dos dez minutos de acréscimos do segundo tempo, garantiu a terceira vitória consecutiva do Brasil na Copa América. Na quarta-feira (23), a seleção de Tite superou a Colômbia por 2 a 1 no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, pela quarta e penúltima rodada do Grupo B.

O resultado levou o escrete canarinho a nove pontos, com a liderança da chave garantida, independente do que acontecer no próximo domingo (27), contra o Equador, no estádio Olímpico de Goiânia. Os colombianos, também assegurados nas quartas de final, concluem a participação na primeira fase com cinco pontos, atualmente em segundo lugar, aguardando a definição do grupo para saber a posição final.

Foram cinco alterações em relação à equipe que goleou o Peru por 4 a 0, pela segunda rodada. Dando sequência ao revezamento de goleiros, Weverton foi o titular na meta. Na zaga, Marquinhos formou dupla com Thiago Silva. No meio, o volante Casemiro retornou, no lugar de Fabinho. À frente, somente Neymar e Gabriel Jesus seguiram no time. Entraram o meia Everton Ribeiro e o atacante Richarlison. Ao todo, são sete remanescentes dos 11 que estrearam na Copa América, diante da Venezuela.

Continua depois da publicidade

O Brasil teve que lidar com um cenário atípico nos 57 jogos sob comando de Tite: sair atrás. Aos nove minutos, o meia Juan Cuadrado cruzou pela direita, com liberdade, para o atacante Luiz Díaz, livre na área, marcar um golaço de bicicleta. A seleção brasileira não era vazada há seis partidas.

O duelo ficou da forma como a Colômbia desejava. A equipe de Reinaldo Rueda aproximou as linhas de defesa e meio-campo para reduzir o espaço de ação brasileiro. A estratégia funcionou. Apesar da pressão, o Brasil sucumbiu à marcação e não assustou o goleiro David Ospina.

Tite lançou a equipe para o ataque no segundo tempo. Na volta do intervalo, Roberto Firmino entrou no lugar de Everton Ribeiro. Foi dos pés do atacante que saiu o passe de calcanhar para Neymar escapar de Ospina, antecipar-se a Gabriel Jesus (que estava mais bem posicionado) e chutar na trave, na primeira chance real de gol brasileira.

Outra alteração mais ofensiva foi feita na lateral esquerda, aos 16 minutos, com Renan Lodi substituindo Alex Sandro. Aos 32 minutos, o jogador do Atlético de Madri (Espanha) cruzou e Roberto Firmino empatou de cabeça, provocando muita reclamação dos colombianos. Na origem da jogada, a bola bateu no árbitro Nestor Pitana. Como a posse seguiu com o Brasil, o juiz argentino entendeu que o jogo poderia seguir. O lance foi revisto pela arbitragem de vídeo. No fim, Pitana validou o gol polêmico, após longa paralisação.

O duelo ficou tenso, com divididas mais ríspidas. O Brasil seguiu pressionando e, quando o empate parecia irreversível, veio a virada. Aos 54 minutos, no último lance da partida, Neymar cobrou escanteio pela esquerda e Casemiro, de cabeça, decretou o triunfo canarinho.

 

 

*Por Lincoln Chaves - Repórter da TV Brasil e Rádio Nacional

*AGÊNCIA BRASIL

REINO UNIDO - A Uefa não planeja substituir Wembley por outro estádio nas semifinais e na final da Euro 2020, disse o organismo gestor do futebol europeu depois que o primeiro-ministro italiano, Mario Draghi, pediu que a final seja transferida do Reino Unido devido ao aumento de casos de covid-19.

O Reino Unido registrou 10.633 casos novos de covid-19 e cinco mortes na segunda-feira, o que eleva sua cifra para 4,63 milhões de casos confirmados e 127.976 mortes, de acordo com uma contagem da Reuters.

O número de casos tem aumentado devido à disseminação da variante delta, mais contagiosa, identificada pela primeira vez na Índia.

Continua depois da publicidade

Na sexta-feira (18), a Uefa disse ter um plano de contingência para tirar a decisão de Wembley, a menos que o Reino Unido concorde em isentar torcedores estrangeiros de uma quarentena de dez dias.

"A Uefa, a Associação Inglesa de Futebol e as autoridades inglesas estão trabalhando estreita e bem-sucedidamente para sediar as semifinais e a final da Euro em Wembley, e não há planos para mudar o local destes jogos", disse um porta-voz da entidade em um comunicado enviado por email nesta terça-feira.

Wembley deve receber as semifinais em 6 e 7 de julho e a final em 11 de julho.

A chanceler alemã, Angela Merkel, pediu à Uefa nesta terça-feira que aja com responsabilidade em relação aos planos de realizar a final da Eurocopa em Londres, devido a preocupações de segurança com a disseminação do coronavírus por lá.

A principal autoridade da União Europeia em questões de saúde ecoou os comentários da chanceler.

"Nossa saúde é prioridade. A disseminação da variante Delta torna impossível 40 mil espectadores assistirem à partida final no estádio de Londres", disse Peter Liese.

Na segunda-feira, Draghi disse que é a favor de sediar a final em Roma, e não "em um país onde as infecções estão aumentando rapidamente".

Na sexta-feira, o jornal Times noticiou que Budapeste é o local alternativo sendo cogitado se Wembley não puder acolher torcedores visitantes.

 

 

Por Manasi Pathak / REUTERS

RIO DE JANEIRO/RJ - Os confrontos das oitavas de final da Copa do Brasil foram sorteados na terça-feira (22). Um dos duelos terá dez títulos de Campeonato Brasileiro em campo: São Paulo (seis vezes campeão) x Vasco (quatro). O Tricolor paulista, porém, ainda persegue o primeiro título na competição mata-mata - que o Cruzmaltino já conquistou em 2011.

Dois duelos reúnem apenas times da Série A: Atlético-MG x Bahia e Athletico-PR x Atlético-GO. O embate Criciúma x Fluminense, por sua vez, é o único entre dois campeões do torneio. O Tricolor carioca levantou a taça em 2007, enquanto o clube catarinense levou o título em 1991.

Continua depois da publicidade

Supresas da terceira fase ao eliminarem clubes de divisões superiores, Vitória, CRB, ABC e Juazeirense-BA terão novos desafios do gênero nas oitavas. Os dois primeiros, que militam na Série B, serão adversários, respectivamente, de Grêmio e Fortaleza, da Série A. O dois últimos, que disputam a Série D, medirão forças contra Flamengo e Santos (nesta ordem), também da primeira divisão.

Após os sorteios dos confrontos, foram definidos os mandos de campo. Vasco, Fluminense, Grêmio, CRB, ABC, Atlético-GO, Bahia e Juazeirense decidem os duelos em casa.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ainda não divulgou as datas e horários dos jogos, mas o calendário da entidade prevê que ocorram entre 28 de julho (ida) e 4 de agosto (volta). O chaveamento até a final será definido apenas depois do sorteio dos confrontos das quartas de final.

 

Confira os confrontos

  • São Paulo x Vasco
  • Criciúma x Fluminense
  • Vitória x Grêmio
  • Fortaleza x CRB
  • Flamengo x ABC
  • Athletico-PR x Atlético-GO
  • Atlético-MG x Bahia
  • Santos x Juazeirense-BA

 

 

*Por Lincoln Chaves - Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional

*AGÊNCIA BRASIL

BRASÍLIA/DF - No estádio Mané Garrincha, em Brasília, a Argentina derrotou o Paraguai por 1 a 0 na noite de segunda-feira (21). A vitória no jogo válido pela 3ª rodada do Grupo A da Copa América deixou a equipe de Lionel Messi na liderança isolada da chave com sete pontos e a classificação antecipada às quartas de final da competição. Já o time paraguaio fica na 3ª posição com três pontos.

Além disso, o jogo marcou também a chegada de Messi a 147 partidas com a camisa argentina. Desta forma, o craque do Barcelona se tornou, ao lado de Mascherano, um dos jogadores com mais jogos pela Argentina.

Continua depois da publicidade

O único gol da partida foi marcado pelo meia Papu Gómez, aos nove minutos da primeira etapa. O jogador do Sevilla aproveitou bela jogada coletiva para superar o goleiro Antony Silva. Aos 16 minutos, Messi quase deixou o seu, em cobrança de falta que terminou com a bola raspando a trave. Na sequência, o jogo seguiu bastante equilibrado, com poucas chances de lado a lado.

Na segunda etapa, em desvantagem, o Paraguai tentou forçar mais o ritmo. Porém, foram poucas as oportunidades de gol. No primeiro minuto, Arzamendia, de dentro da área, finalizou forte, mas ele acabou travado pela zaga argentina. Aos 30, o Paraguai teve uma boa falta dentro da meia-lua, mas Ángel Romero cobrou mal.

Na próxima rodada a Argentina folga e o Paraguai enfrenta o Chile na quinta-feira (24), às 21h (horário de Brasília). O próximo jogo da Argentina será na próxima segunda-feira (28) contra a Bolívia.

 

 

*Por Juliano Justo - Repórter da TV Brasil e Rádio Nacional

*AGÊNCIA BRASIL

JAPÃO - A Organização Mundial da Saúde (OMS) disse na segunda-feira (21) que debaterá com autoridades do Japão e o Comitê Olímpico Internacional (COI) como administrar os riscos da covid-19 depois que os organizadores anunciaram que alguns espectadores poderão assistir presencialmente aos Jogos de Tóquio.

Mike Ryan, chefe do programa de emergências da OMS, disse que as taxas de infecção japonesas estão caindo e que os números são favoráveis na comparação com outros países que têm realizado eventos de larga escala.

Até 10 mil espectadores serão aceitos nos locais de competição da Tóquio 2020, disseram os organizadores da Olimpíada nesta segunda-feira, uma decisão que se chocou com a recomendação de alguns especialistas, que alertaram que realizar o evento sem torcedores seria a opção menos arriscada.

Continua depois da publicidade

"O que nos deixa contentes é que as taxas de doença caíram persistente e constantemente no Japão ao longo das últimas semanas", disse Ryan em uma coletiva de imprensa em Genebra.

"Estamos cientes desta decisão hoje, e estamos acompanhando com o COI e com autoridades japonesas. Teremos mais uma conversa com elas e sua força-tarefa nesta semana para analisar esta nova decisão a respeito do público na Olimpíada".

Os espectadores estrangeiros já foram proibidos de comparecer ao evento, que começa no dia 23 de julho em meio à oposição pública e a uma preocupação profunda com um ressurgimento de infecções.

 

 

*Por Stephanie Nebehay (com reportagem adicional de Emma Farge) REUTERS

Pesquisa releva a média salarial dos atletas no Brasil

 

SÃO PAULO/SP - Apesar dos melhores jogadores de futebol possuírem contratos de centenas de milhões, o salário médio dos jogadores de futebol no Brasil é bem diferente. 88% dos jogadores ganham salários de até R$5 mil.

É o que revela uma pesquisa divulgada pela plataforma CupomValido.com.br que reuniu dados da CBF, Statista e Ernst & Young sobre o esporte no Brasil.

O Brasil possui 7.020 clubes registrados, e 874 clubes profissionais ativos. A grande maioria está concentrado no Sudeste com 39% do total, sendo Minas Gerais o estado com a maior concentração de clubes.

 

Salários no Brasil

O Brasil possui mais de 360 mil atletas registrados, sendo que 25% são profissionais.

Com relação aos salários, 55% dos atletas profissionais recebem aproximadamente um salário mínimo por mês33% do total dos atletas recebem entre R$1.001 e R$5.000. Somente 12% recebem salários acima de R$5.001.

A análise foi considerada somente salários baseados na CLT, ou seja, não foi considerada os direitos de imagens, que podem alcançar até 40% do salário.

A região que paga o melhor salário é o Sudeste, com uma média de R$15.000. 64% do montante total gasto com salários, estão concentrados nesta região. O Nordeste é a região que paga o menor salário, com uma média de R$1.000.

Continua depois da publicidade

 

Salários dos melhores jogadores

O cenário muda quando comparamos os salários dos melhores atletas. Neymar é o brasileiro com o maior salário, com R$405 milhões por ano. Ao considerar ganhos com publicidade e patrocínios, o valor sobe para R$501 milhões.

Ao comparar com o cenário mundial, o atleta brasileiro fica atrás somente do Cristiano Ronaldo com R$610 milhões, e do jogador mais bem pago do mundo, Lionel Messi com R$657 milhões.

 

Porque alguns jogadores tem um salário tão alto?

A resposta pode ser explicada pela oferta e demanda. Quanto mais difícil de ser substituído, maior será o salário de um jogador.

Além disso, os melhores jogadores são muito bem pagos, por serem protagonistas de um espetáculo que gira cada vez mais dinheiro.

Só no Brasil, o futebol é um esporte que movimenta R$52 bilhões. A receita dos maiores clubes, crescem a cada ano com o aumento de publicidade e da popularidade do esporte. Quanto mais os clubes ganham em receita, maior é disponibilidade para oferecerem salários melhores. Consequentemente, como muitos times disputam os poucos jogadores mais visados, isso faz com que os salários destes poucos jogadores aumentem exponencialmente.

Segundo a pesquisa, no Brasil, 80% do valor total dos salários está concentrado em apenas 7% dos atletas.

 

Fonte: CBF, Cupom Válido, Ernst&Young, Statista

 

Confira o infográfico completo abaixo:

 

 

EUA - O paulista Filipe Toledo, de 26 anos, conquistou o título do Surf Ranch Pro ao derrotar na final o compatriota Gabriel Medina, bicampeão na piscina de ondas artificiais de Lemoore (Estados Unidos).  Foram dois vice-campeonatos seguidos perdendo a final para Medina, atual líder do ranking mundial, mas hoje quem reinou na piscina de Lemoore foi Filipinho, paulista de Ubatuba, com nota final 17,94, enquanto Medina somou 10,60.

A etapa na piscina de ondas de Leemore é a sexta da Liga Mundial de Surf (WSL, sigla em inglês) e a última antes da estreia da modalidade na Olimpíada de Tóquio (Japão). Além de Medina, o Brasil será representado em Tóquio 2020 por Ítalo Ferreira, Silvana Lima, e Tatiana Weston-Webb. 

Na disputa feminina no Surf Ranch Pro,  a francesa Johanne Defay (nota final 16,63) superou a atual líder do ranking, a havaiana Clarissa Moore (16,23).

Continua depois da publicidade

A brasileira Tatiana Weston-Webb terminou em terceiro lugar na classificação final, ao lado da astraliana Sally Fistzgibbons. Tati perdeu a semifinal para Moore.

 

Outros dois brasileiros chegaram às semifinais na piscina de Leemore: Yago Dora foi superado pelo japonês Kanoa Igarashi e Adriano de Souza, o Mineirinho. caiu para o australiano Ethan Ewing. O curitibano Yago Dora, de 25 anos, protagonizou a melhor performance na etapa ao levar nota 9,50, a mais alta na edição deste ano do Surf Ranch Pro, garantindo a classificação para a semifinal.

O Surf Ranch Pro contou ainda com a participação do número dois do mundo, o potiguar Ítalo Ferreira, campeão mundial em 2019, Caio Ibelli, Miguel Pupo, Jadson André, Deivid Silva, Peterson Crisanto, Alex Ribeiro e Lucas Vicente - campeão mundial júnior, de 19 anos, que disputou a etapa como convidado.

 

 

*Por Agência Brasil

SÃO PAULO/SP - A melhor campanha da primeira fase da Série A1 (primeira divisão) do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino é do Corinthians. Neste último sábado (19), as Alvinegras golearam o Minas Brasília por 5 a 0 no Parque São Jorge, em São Paulo, pela 14ª e penúltima rodada.

 

O Timão foi a 37 pontos e não tem mais como ser alcançado pelo Palmeiras, segundo colocado com 31 pontos e que ainda vai a campo na rodada. O Minas permanece com 11 pontos, na 11ª posição, e ainda não garantiu a permanência na primeira divisão. As brasilienses, porém, dependem apenas de si para assegurar mais um ano na elite.

A atacante Gabi Nunes comandou o show alvinegro com três gols. Aos três minutos da primeira etapa, ela aproveitou o cruzamento da atacante Gabi Portilho pela direita e abriu o placar de cabeça. Cinco minutos depois, a lateral Yasmin bateu escanteio da direita, a zagueira Pardal desviou na primeira trave, a goleira Karen deixou escapar e a camisa 11 não perdoou. Aos 23, a zagueira Giovana Campiolo lançou Vic Albuquerque nas costas da defesa. Na saída de Karen, a atacante rolou na esquerda para Gabi Nunes completar o hat trick.

 

Antes do intervalo, aos 47, a lateral Katiuscia cruzou pela direita e a meia Gabi Zanotti não conseguiu finalizar, mas a bola sobrou para Vic Albuquerque arriscar da entrada da área e balançar as redes do ex-clube, fazendo o quarto do Timão. Na etapa final, o Corinthians seguiu pressionando, parando em defesas de Karen até os 36 minutos, quando Vic lançou Gabi Portilho na área. A atacante viu a goleira sair da meta e a encobriu, fechando o placar com um golaço.

Os duelos da 15ª e última rodada da primeira fase ocorrem nesta quinta-feira (24), às 15h (horário de Brasília). O Corinthians vai a Caçador (SC) encarar o Avaí/Kindermann, na reedição da final do último Brasileiro, no estádio Carlos Alberto Costa Neves. O Minas Brasília decide a permanência na primeira divisão em confronto com o Palmeiras no Abadião, em Ceilândia (DF).

 

 

*Por Lincoln Chaves - Repórter da TV Brasil e Rádio Nacional

*AGÊNCIA BRASIL

MUNIQUE - A Alemanha se aproveitou de dois gols contra para virar o jogo e vencer o atual campeão Portugal, por 4 a 2, pelo Grupo F da Eurocopa no sábado (19), voltando a ficar bem posicionada para avançar às oitavas de final da competição.

Derrotada pela França na estreia, a Alemanha começou a partida com um jogo muito rápido, mas saiu atrás quando Cristiano Ronaldo marcou seu 107º gol pela seleção portuguesa em um veloz contra-ataque.

A Alemanha de Joachim Löw inverteu o roteiro graças a dois gols contra em um intervalo de quatro minutos, com o chute de Kai Havertz desviando em Rúben Dias e depois com Raphaël Guerreiro mandando contra o próprio patrimônio ao tentar cortar um cruzamento de Joshua Kimmich.

Um jogador da Alemanha finalmente colocou seu nome no placar, depois do intervalo, quando Havertz abriu 3 a 1 antes de Robin Gosens completar uma incrível atuação individual ao marcar o quarto de cabeça.

Diogo Jota descontou para dar um fiapo de esperança a Portugal na reta final, mas a Alemanha segurou a vitória para subir ao segundo lugar no Grupo F, após duas rodadas.

Portugal, que venceu a Hungria na estreia, caiu para terceiro e enfrentará a líder França na reedição da final da Eurocopa de 2016, enquanto a Alemanha jogará contra os húngaros.

 

 

*Por Hardik Vyas - REUTERS

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Junho 2021 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30