fbpx

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
 
Radio Sanca Web TV - Domingo, 06 Junho 2021

SÃO CARLOS/SP - O Prefeito Airton Garcia, acompanhado das secretárias de Cidadania e Assistência Social, Glaziela Solfa Marques, da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida, Lucinha Garcia e do vereador Robertinho Mori, participou na manhã desta segunda-feira (07/06), da inauguração do Centro de Atendimento ao Autista da APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), local onde agora poderão ser atendidas até 150 crianças com autismo. 

Denominado Centro de Atendimento ao Autismo “Odalete Natalina Martins Piva” o local conta com uma equipe multiprofissional como psicólogos, terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos, educadores físicos, entre outros.

Segundo a gerente da APAE a procura por atendimento é grande. O novo módulo do autista vai proporcionar o desenvolvimento das atividades em uma estrutura ampla e com o número maior de pessoas que precisam desse atendimento. No total atendemos mais de 600 pessoas com deficiência intelectual na instituição e outras 390 em atendimentos específicos, por isso sempre a necessidade de ampliação dos serviços”, explicou Cristina Schiabel.

 O prédio foi construído com recursos de emenda parlamentar do vereador Robertinho Mori no valor de R$ 347.950,00. “Atualmente a APAE conta com uma ampla estrutura da qual tenho a honra de ter contribuído com R$ 1.150.000,00, sendo que desse valor mais de R$ 911 mil foram repassados entre 2017 e 2021, portanto no governo do prefeito Airton Garcia. Com esses recursos foi possível a construção do módulo II e III do Centro de Atendimento ao Autista, a ampliação da Unidade de Cuidados Diários, além da quadra poliesportiva e cobertura dos vestiários masculino e feminino, espaço para preparo físico e construção da arquibancada”, elencou o vereador.

 “Eu conheço o trabalho realizado pela entidade. Sei que todo recurso é usado para melhorar, ainda mais, o atendimento oferecido aos deficientes. Tudo que for possível vamos fazer para continuar ajudando essa entidade que garante os direitos fundamentais de cidadania das pessoas com deficiência. A APAE realiza um trabalho de excelência”, disse o prefeito Airton Garcia.

 A APAE São Carlos atende pessoas com deficiência intelectual, múltipla, com atraso no desenvolvimento neuropsicomotor e com transtorno do espectro do autismo. Hoje são 630 alunos. A entidade tem convênio com várias instituições e também recebe doações. Atualmente conta com uma infraestrutura para fazer atendimento e diagnóstico, atendimento educacional, semi-internato, inclusão no mercado de trabalho e na escola regular.

Publicado em Outras Notícias

 

SÃO CARLOS/SP - A Prefeitura de São Carlos, por meio do Departamento de Fomento ao Turismo, lançou um chamamento público (01/2021), para pessoas físicas e jurídicas que desejam fazer doação de 15 totens de identificação em vias públicas e rurais que irão demarcar o caminho oficial da fé no município saindo da Catedral até o Santuário de Aparecidinha da Babilônia. 

Serão 15 totens colocados a cada 1 quilometro, essas peças terão o formato do manto de Nossa Senhora Aparecida e com a via-sacra estampada no mesmo. 

As pessoas ou empresas que desejarem adquirir um totem deverão entrar em contado com o Departamento de Fomento ao Turismo de 07 a 28 de junho, através do e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. para maiores informações. 

O diretor de turismo da Prefeitura Municipal, Rickoff Aidar, afirmou que esse é um desejo antigo dos fiéis que fazem o Caminho da Fé, não apenas no feriado de 15 de agosto, Dia de Nossa Senhora Aparecida da Babilônia. “Muitas pessoas fazem esse caminho em vários períodos do ano e por isso nada mais justo do que demarcarmos o lugar. Iremos sair com os totens da Catedral que é o marco 1 até a chegada no Santuário. As pessoas que desejarem adquirir as peças poderão expor suas marcas em contrapartida, esse é o primeiro de muitos projetos que estamos elaborando no Departamento de Turismo e vamos trabalhar bastante com este setor na área rural e religiosa em São Carlos”, afirmou Rickoff Aidar.

Publicado em Outras Notícias

SÃO CARLOS/SP - Em 2021 já foram registradas em São Carlos 317 notificações, com 76 casos positivos de Dengue, sendo 58 autóctones e 18 importados. Para Chikungunya foi registrada 12 notificações, com 11 casos descartados, 01 aguardando resultado. Para Febre Amarela e Zika nenhuma notificação foi registrada até agora.

A Vigilância Epidemiológica fechou o ano de 2020 com 1.638 notificações para dengue, com 975 descartados, 640 positivos, 582 autóctones, 58 importados e 1 óbito confirmado. Para Febre Amarela foram registradas 6 notificações, com 6 resultados negativos para a doença. Para Zika foram registradas 07 notificações com 07 resultados negativos.

Publicado em Outras Notícias

SÃO CARLOS/SP - Ainda no meio da situação pandêmica causada pelo novo vírus SARS-Covid19, onde os desafios para poder acolher e tratar todos os contaminados são imensos, os cientistas já se deparam com outros desafios: o tratamento dos pacientes pós-Covid.

Ao longo deste ano de pânico e preocupação com a contaminação, todo o mundo já constatou que não se trata de uma “gripe“, onde em algumas semanas  pós-infecção as pessoas ficam zeradas e retomando suas vidas normalmente. No caso da COVID, tem ocorrido sequelas deixadas que podem se prolongar por muito tempo, caso as mesmas não deixem suas marcas com caráter permanente.

Os chamados “sobreviventes da COVID” estão sujeitos a diversos problemas de naturezas várias. Além disto, aqueles que precisam de internação também estão sujeitos aos efeitos de uma pós-hospitalização. Começando por aqueles que são hospitalizados, a imobilização prolongada durante a internação causa escaras (profundas feridas causadas pela pressão do corpo no leito), uma enorme perda muscular com comprometimento motor, diminuição da capacidade respiratória, dores diversas e problemas de memória, dentre outros sintomas. Durante a hospitalização é necessário a realização de uma boa fisioterapia no leito, da melhor forma possível.  O nível desta fisioterapia dependerá da situação do paciente – se está totalmente sedado em uma UTI, ou se está num processo de hospitalização leve. Quando for uma hospitalização leve, o próprio paciente pode ajudar nos exercícios básicos, auxiliando a ação de um fisioterapeuta, mas, no outro caso, é necessário o uso de apoio externo com o auxílio de novas tecnologias disponíveis.

O uso da laser-terapia pode ajudar muito neste processo, pois após décadas de intensas e sucessivas experiências na chamada “reabilitação fotônica”, o método pode ajudar a dar um grande ganho ao paciente. Tratar o paciente enquanto hospitalizado já ajuda muito, evitando complicações no período de imobilização e mesmo nas consequências da doença.

Para os pacientes que já venceram a hospitalização, ou que, por outro lado, nunca estiveram no hospital, em muitos casos há necessidade de se proceder a uma reabilitação intensa para evitar as sequelas. Apesar de ainda não se saber tudo o que pode ocorrer, as reclamações de quem teve Covid e não foi hospitalizado são constantes.

A laser-terapia já é bem estabelecida, aprovada  pelos diversos órgãos regulatórios: ANVISA no Brasil, FDA nos EUA e em praticamente todos os órgãos oficiais no mundo, e tem sido uma excepcional adição nos tratamentos onde se busca redução de dor devido a processos inflamatórios. Além disto, os efeitos da laser-terapia no tratamento dos edemas, aumento da regeneração tecidual, estimulo às funções neurológicas e regeneração, remineralizarão óssea, aumento da tolerância dolorosa com liberações de endorfinas e auxilio à circulação, são efeitos altamente desejados para a reabilitação dos pacientes pós-Covid e que tenham sintomas diversos deixados pela doença.

Em alguns países, já houve mesmo relatos do uso da laser-terapia para auxiliar a desinflamação pulmonar. Muitos dos aparelhos de laser-terapia foram desenvolvidos em São Carlos, sendo que aqui na cidade estão sediadas as melhores empresas deste ramo e é de certa forma natural que existam, aqui, iniciativas para produzir dispositivos e protocolos que auxiliem estas reabilitações dos pacientes.

O Prof. Vanderlei Salvador Bagnato, pesquisador do IFSC/USP e desenvolvedor de tecnologias reabilitadoras a laser, está agora promovendo a formação de grupos de trabalho e parcerias com empresas para acelerar tecnologias e protocolos que permitam tratar, de forma adequada, os pacientes acima mencionados.

Segundo Bagnato, “a tecnologia a laser permite acelerar processos regenerativos e auxiliar os pacientes pós-Covid, sendo nossa obrigação disponibilizar tudo isso, realizar ensaios clínicos com seriedade e disponibilizar estes equipamentos e protocolos para a sociedade. Temos que evitar os “achismos” e partir para os fatos, com base cientifica comprovada. Reuniões de grupos de trabalho e realização de ensaios terão seu inicio muito em breve, para que rapidamente todas as tecnologias desenvolvidas possam chegar a estes pacientes, com rapidez. Temos diversas tecnologias desenvolvidas com lasers, inclusive a combinação de laser com pressão negativa e com ação ultrassônica, que deverão ser essenciais no tratamento dos efeitos deixados pela Covid”, conclui Bagnato.

O Centro de Pesquisa em Óptica e Fotônica (Cepof), alocado no Instituto de Física de São Carlos (IFSC/USP) está já organizando o primeiro Workshop sobre Terapias Modernas para o Pós-Covid, estando para breve a divulgação desse evento.

 

 

*Por: Rui Sintra - jornalista do IFSC/USP

Publicado em Coronavírus

SÃO CARLOS/SP - A Vigilância Epidemiológica de São Carlos confirma nesta segunda-feira (07/06) mais três mortes por COVID-19 no município, totalizando 367 óbitos.
Trata-se de três pacientes de São Carlos internados em outras cidades da região: um homem de 59 anos internado desde 17/05 em Franca; um homem de 96 anos, internado desde 29/05 em Ribeirão Preto e um homem de 69 anos, internado em hospital de Matão desde 08/04.
São Carlos contabiliza neste momento 20.243 casos positivos para COVID-19 (113 resultados positivos foram divulgados hoje), com 367 óbitos confirmados e 129 descartados.
Dos 20.243 casos positivos, 18.555 pessoas apresentaram síndrome gripal e não foram internadas, 28 óbitos sem internação, 1.660 pessoas precisaram de internação devido a COVID-19, 1.224 receberam alta hospitalar e 339 positivos internados foram a óbito. 19.425 pessoas já se recuperaram totalmente da doença. 37.819 casos suspeitos já foram descartados para o novo coronavírus (219 resultados negativos foram liberados hoje).
Estão internadas neste momento 115 pessoas, sendo 32 adultos na enfermaria. 8 pacientes estão em Unidades de Cuidados Intermediários (UCI - Santa Casa), 5 estão em Unidades de Suporte Ventilatório (USV – HU/UFSCar). No total na UTI adulto estão internadas 66 pessoas, sendo 42 em leitos de UTI/SUS e 24 em leitos de UTI da rede particular. Na enfermaria SUS 4 crianças estão internadas. Nenhuma criança ocupa vaga de UT/SUS neste momento. 13 pacientes de outros municípios estão internados em São Carlos neste momento, sendo 8 em leitos de UTI/SUS, 2 em leito de UTI particular, 2 em UCI e 1 em enfermaria SUS.
A taxa de ocupação dos leitos especiais para COVID-19 de UTI/SUS adulto está em 95,45% (42 adultos estão internados). 
Neste momento o município disponibiliza 44 leitos adulto de UTI/SUS para COVID-19, já que a Santa Casa voltou a operar com 30 leitos adulto para UTI/SUS (reabriu 3 leitos que estavam fechados), 20 leitos de UCI e 6 de UTI infantil e o Hospital Universitário (HU/UFSCar) opera com 14 leitos de UTI/SUS adulto e 4 de Unidade de Suporte Ventilatório (USV).

UPA – 9 pessoas estão neste momento sendo atendidas em leito de estabilização, todos na UPA do Santa Felícia. Os pacientes já estão cadastrados e aguardam transferência via CROSS.

NOTIFICAÇÕES – Já passaram pelo sistema de notificação de Síndrome Gripal do município 68.838 pessoas desde o dia 21 de março, sendo que 66.633 pessoas já cumpriram o período de isolamento e 2.205 ainda continuam em isolamento domiciliar.
A Prefeitura de São Carlos está fazendo testes do tipo PCR em pessoas que passam em atendimento nos serviços públicos de saúde com Síndrome Gripal sendo que 45.154 pessoas já realizaram coleta de exames, 31.805 tiveram resultado negativo para COVID-19, 13.130 apresentaram resultado positivo (esses resultados já estão contabilizados no total de casos). 219 aguardam resultado de exame.

Publicado em Coronavírus

SÃO CARLOS/SP - Uma colisão entre dois carros aconteceu no inicio da tarde de hoje, 07, na Avenida Grécia, defronte a um distribuidor de botijão de gás, no sentido UPA Vila Prado, em São Carlos.

Nossa reportagem esteve ao local e segundo informações, um motorista seguia com seu Fiat Palio pela Rua Pedro José Neto e no cruzamento com a Avenida Grécia, ocorreu a colisão com um Kia Sorento.

Com o impacto, os airbags do Kia foram acionados causando algumas lesões ao motorista que negou ser levado até algum equipamento de socorro da cidade. Já o motorista ficou preso nas ferragens do Pálio, onde o automóvel foi parar no canteiro central da via, sendo socorrido pelas equipes do SAMU e da Unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros (UR),e depois de imobilizado foi levado à Santa Casa de Misericórdia de São Carlos.

A Polícia Militar esteve ao local auxiliando e registrando a ocorrência.

Publicado em Policial

SÃO PAULO/SP - Silvio Santos parece ter aprovado o trabalho de Sikera Jr. na RedeTV!. Prova disso é que o Homem do Baú fez um convite para que o apresentador deixe a concorrente e se mude para o SBT. O veterano, inclusive, até ofereceu um apartamento para o jornalista em uma região nobre de São Paulo para que ele, que vive no Amazonas, se mude para a capital paulista.

A conversa entre a dupla foi mostrada no canal de Roger Turchetti no YouTube. “Eu reformo um apartamento grande para você aqui no Jardim Paulista e eu pago sua multa lá na RedeTV!. E você vem morar aqui”, diz Silvio Santos em parte do áudio.

O dono do SBT ainda elogiou o trabalho do apresentador. “Parabéns para você pelo programa que você faz. Eu fiquei sendo seu fã, viu, Sikera? Você faz muito bem.”

E acrescentou: “Realmente, uma pena que a RedeTV! não tem tanta audiência, mas você faz um sucesso tremendo”.

Silvio Santos também quis saber mais a respeito do contrato que Sikera assinou com o canal de Amilcare Dallevo e afirmou: “Você fechou 7 anos com o Amílcare? 7 anos? Ainda bem que é 7 anos, porque te prenderam bem. Bom, então você está fazendo o programa do Amazonas, né? Tá bom, parabéns pelo seu programa”.

Sikera Jr. comanda o “Alerta Nacional”, na RedeTV!, e chama bastante atenção por suas declarações polêmicas. Em um dos programas, o jornalista fez críticas bastante pesadas a Xuxa Meneghel – o que lhe rendeu um processo na Justiça por danos morais à famosa.

 

 

*Por: FAMOSIDADES

Publicado em TV

PORTO FERREIRA/SP - A Guarda Civil Municipal (GCM) de Porto Ferreira multou um comércio que descumpriu as regras da fase vermelha da cidade no último sábado (5).

Segundo os agentes, um bar localizado no Bairro Anésia, estava aberto após às 15h, não estando de acordo com as novas regras municipal que determina medidas mais restritivas para frear o avanço do coronavírus.

Em Porto Ferreira, lanchonetes, bares, restaurantes, cervejarias, sorveterias e congêneres, aos sábados o atendimento preferencial é das 9 às 15h, limitado a 30% de sua capacidade.

De acordo com o decreto, para quem descumprir as regras, o comerciante será multado de 100 a 1000 UFMs, chegando em um valor de quase R$ 4.500 reais.

A GCM reforça que denúncias sobre descumprimento das regras do decreto podem ser feitas pelos telefones 08007731553 ou 153.

Publicado em Outras Cidades

Ações de policiamento foram reforçadas para apoiar os órgãos de fiscalização

 

CAMPOS DO JORDÃO/SP - A Polícia Civil encerrou, na madrugada desta segunda-feira (7), a primeira etapa da operação Inverno, deflagrada para apoiar os órgãos de fiscalização no combate à pandemia do Covid-19. Ao longo do feriado prolongado, 12 festas clandestinas, com um público aproximado de 200 pessoas, foram interrompidas somente na Estância Turística de Campos do Jordão.  As ações foram realizadas em parceria com a prefeitura local, por meio da Comissão Especial de Fiscalização Epidemiológica.

Além do efetivo da Delegacia do Município, nestes quatro dias a cidade contou com policiais civis do Departamento de Operações Policiais Estratégicas (Dope), que ficaram alocados em uma delegacia móvel estacionada em uma praça no bairro Capivari, além de duas equipes da Divisão Especializada de Investigações Criminais (Deic) de São José dos Campos e outras duas da Delegacia Especializada de Investigações Criminais (Deic) de Taubaté.

Somente no dia 4, três festas com aglomeração de pessoas foram flagradas no município. Duas delas ocorreram durante a madrugada – uma com mais de 100 frequentadores, no bairro Alto do Capivari, e outra com mais de 500 presentes, em um haras no Morro do Elefante, resultando na autuação de 14 detidos. A terceira ocorreu à noite, em uma casa de Alto Padrão na Vila Inglesa. Neste último local, 300 pessoas desrespeitavam o distanciamento social e não usavam máscara de proteção.

Na madrugada de ontem, outra festa clandestina foi flagrada em uma chácara do município. No local, cerca de 100 pessoas desrespeitavam o distanciamento social e consumiam bebidas alcoólicas. Na ocasião, dois homens, responsáveis pelo evento, foram levados à delegacia e autuados por infração de medida sanitária preventiva, resistência e desacato.

 

Fiscalização epidemiológica e sanitária

Além da Polícia Civil, as atividades em Campos do Jordão contaram com apoio da Polícia Militar, Guarda Civil Municipal, Departamento de Trânsito e Defesa Civil.

No período, foram realizadas 212 inspeções para orientação sobre legislação e 81 estabelecimentos foram notificados por aglomeração.

Publicado em Outras Cidades

Nesta etapa devem ser imunizados pessoas com comorbidades ou com deficiências permanentes, caminhoneiros, trabalhadores do transporte coletivo, membros das forças de segurança e do Exército, além de funcionários do sistema prisional

SÃO CARLOS/SP - Na próxima quarta-feira (09/06) tem início a terceira e última etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe. Nesta etapa serão contempladas pessoas com comorbidades (hipertensão, diabetes, asma, entre outras) ou deficiências permanentes, assim como caminhoneiros e trabalhadores do transporte coletivo rodoviário e portuário, membros das forças de segurança e do Exército, além de funcionários do sistema prisional. A população privada de liberdade e adolescentes e jovens de 12 a 21 anos que cumprem medidas socioeducativas também serão imunizados nesta fase.  Até o dia 8 de junho continuam sendo vacinados idosos (com 60 anos ou mais) e professores das redes pública e particular de ensino.  
A Vigilância Epidemiológica de São Carlos reforça que todas as pessoas dos grupos anteriores que ainda não se vacinaram continuam podendo receber a imunização até o final da campanha, em 9 de julho, porém o Ministério da Saúde ressalta que neste momento é importante priorizar a administração da vacina contra a COVID-19, mesmo para as pessoas contempladas no grupo prioritário da Influenza. A Norma Técnica do Ministério da Saúde ressalta que o intervalo mínimo entre as imunizações deve ser de 14 dias entre as vacinas.
Em São Carlos, a vacinação está sendo realizada nas unidades básicas de saúde (UBS’s) do Delta, Santa Paula, Vila Nery, Vila Isabel, Maria Stella Fagá, Botafogo e Cruzeiro do Sul, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 15h30.
As Unidades de Saúde da Família (USF’s) também estão aplicando a vacina contra a gripe, porém com agendamento para as pessoas cadastradas no programa de saúde da família.
Até o momento já foram vacinadas contra a gripe (H1N1) 30.053 pessoas em São Carlos, o que corresponde a uma cobertura vacinal de 30,1%. Das 30.053 doses aplicadas, 13.668 foram em idosos, 7.647 em crianças, 995 em gestantes, 215 em puérperas e 6.243 em profissionais da saúde. 1.226 em professores da rede pública e particular, além de 56 em indígenas e 3 em trabalhadores do transporte com mais de 60 anos.

2020 - Ano passado foram imunizadas 70.869 pessoas contra a gripe em São Carlos, 33.204 estavam no grupo de idosos (113,48%), 8.927 profissionais da saúde (113,95%), 6.863 crianças (41,57%), 963 gestantes (40,96%), 214 puérperas (55,30%). Também foram imunizados 1.348 professores (redes pública e particular), 2.887 adultos de 55 a 59 anos, 6.640 pessoas da força de segurança e salvamento, 13.726 pessoas com comorbidades e dos demais grupos outras 2.073 pessoas.

Publicado em Outras Notícias

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Junho 2021 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30