fbpx

Realizar Acesso

Usuário *
Senha *
Lembrar
 
Rodrigo Stein

Rodrigo Stein

Vendedor e Jornalista.
Ajudo a compor as materias e deixar a rádio sanca mais conhecida positivamente na cidade

URL do site: https://www.radiosanca.com.br/equipe/rodrigo-stein E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

SÃO CARLOS/SP - Nesta quarta-feira (21) será anunciado como novo arcebispo de Brasília dom Paulo Cezar Costa.

Dom Paulo é atualmente bispo em São Carlos, e foi bispo auxiliar no Rio de Janeiro.

O cargo de arcebispo na capital federal estava vago desde junho. Dom Paulo encontrará uma Igreja com problemas financeiros. 

O anúncio da transferência e nomeação para a Arquidiocese de Brasília foi publicado no Boletim de Imprensa da Santa Sé ao meio dia do horário de Roma, 7h do horário de Brasília.

A posse canônica está marcada para 12 de dezembro de 2020, o anúncio da data foi feito na mensagem de Dom Paulo aos fiéis de São Carlos – SP. Até sua posse no Distrito Federal, Dom Paulo segue responsável pela administração da Diocese de São Carlos.

Com informações de O Antagonista e Diocese de São Carlos

SÃO CARLOS/SP - A Secretaria Municipal de Educação informa que a partir do dia 12 de novembro têm início as inscrições, somente via internet, para alunos que ainda não frequentam a rede municipal de ensino e que pretendem estudar nos Centros Municipais de Educação Infantil (CEMEIS). Já para ingressar em uma das Escolas Municipais de Educação Básica (EMEBS) as inscrições poderão ser feitas somente a partir 05 de janeiro de 2021.

As inscrições poderão ser feitas via WhatsApp (somente mensagens) pelos telefones (16) 99242-2956, 99464-6974, 99416-4790, 99413-6199, pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou pelo formulário https://forms.gle/Z5JfQ1KZPMntocwr9 tanto para a educação infantil (CEMEIS) como para o ensino fundamental (EMEBS).

Para a educação infantil, faixa etária de 0 a 5 anos, 653 novos alunos pleiteiam vagas para 2021, porém o município possui 1.363 vagas disponíveis nos 49 Centros Municipais de Educação Infantil (CEMEIS), ou seja, um superávit neste momento de 710 vagas na educação infantil. 

Já para as Escolas Municipais de Educação Básica (EMEBS), que atendem crianças e jovens na faixa etária de 6 a 14 anos no ensino fundamental, o município registra 32 novos pedidos de vagas para 2021 e 624 pedidos de transferência de escolas, portanto ainda possui vagas disponíveis no sistema já que o ensino fundamental é compartilhado com as escolas do Governo do Estado. 

 

REMATRÍCULAS – Para os alunos que já estão na rede municipal de ensino, a rematrícula será realizada automaticamente a partir desta quinta-feira, dia 22 de outubro, pela Secretaria Municipal de Educação.

As escolas farão o comunicado aos pais do resultado da rematrícula e o encaminhamento dos alunos da educação infantil, inclusive das creches filantrópicas, das Fases 3 e 4, que cursarão novas escolas em 2021. No dia 30 de novembro as escolas farão o comunicado aos pais do resultado do encaminhamento também dos alunos da pré-escola, do 5º anos e dos 9º anos.

“Todo esse processo é para facilitar e evitar o deslocamento das famílias, evitar aglomerações e assim diminuir o risco de contaminação do novo coronavírus. Pela primeira vez as matrículas serão feitas de maneira totalmente online”, afirma a secretária de Educação, Cilmara Seneme Ruy.

A Secretaria Municipal de Educação informa que ainda não há definição sobre a data de início das aulas presenciais em 2021.

SÃO CARLOS/SP - O Ministério da Cidadania aprovou esta semana a proposta da Prefeitura de São Carlos, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento, para o Programa de Aquisição de Alimentos no valor de R$ 877.000,00, sendo esse o maior valor já aprovado desde a adesão do município ao PAA. 

Os recursos serão utilizados para a aquisição de gêneros alimentícios hortifruti da agricultura familiar, contribuindo com o fortalecimento desse setor, com a geração de emprego, renda e também a fixação do homem no campo. 

Os produtos adquiridos dos pequenos agricultores são usados para o fornecimento regulamente de alimentação de qualidade e quantidades suficientes para atender pessoas em vulnerabilidade alimentar e nutricional, através de doações às entidades assistenciais e o fornecimento aos restaurantes populares e cozinha comunitária.

Com esse aumento no valor serão beneficiados 190 agricultores familiares de São Carlos e região, com expectativa de fornecimento de até 6 mil kg de gêneros alimentícios hortícolas semanalmente, café e feijão, distribuídos para as seguintes entidades: Abrigo de Idosos Helena Dorfeld, ACORDE, Casa da Criança, Associação Missionária Divina Misericórdia, Associação Sal da Terra, Cantinho Fraterno Dona Maria Jacinta, Paróquia Santa Madre Cabrini, Nosso Lar, Obra Assistencial Social Sacramentina, Saber Amar, Salesianos São Carlos e APAE.

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento também repassa esses alimentos para programas desenvolvidos na Casa Abrigo Gravelina Terezinha Lemes, Casa de Acolhimento, Centro da Juventude Elaine Viviani, Centro da Juventude Lauriberto José Reys, CAPS – AD, CRAS - Cidade Aracy, CRAS - Pacaembu, CRAS - São Carlos VIII, CRAS - Santa Eudóxia, CRAS – Santa Felícia, Centro de Referência do Idoso Vera Lúcia Pilla, Centro POP, Restaurante Popular do Cidade Aracy, Restaurante Popular do São Carlos VIII, Restaurante Popular do Antenor Garcia e para a Cozinha Comunitária de Santa Eudóxia.

 “O Programa de Aquisição de Alimentos, vinculado ao Ministério da Cidadania, é muito importante para São Carlos, porque injeta de forma direta R$ 877 mil na agricultura familiar local, e ainda possibilita o fornecimento de produtos alimentícios as instituições sociais de nossa cidade. Essa conquista não seria possível sem a dedicação e esforço de toda a nossa equipe no desenvolvimento do projeto local”, ressalta Caio Solci, secretário de Agricultura e Abastecimento.

Criado em 2003 o PAA é uma ação do Governo Federal para colaborar com o enfrentamento da fome e da pobreza no Brasil e, ao mesmo tempo, fortalecer a agricultura familiar. Para isso, o programa utiliza mecanismos de comercialização que favorecem a aquisição direta de produtos de agricultores familiares ou de suas organizações, estimulando os processos de agregação de valor à produção. O programa permite a compra, com dispensa de licitação, de alimentos de agricultores familiares que possuem a DAP – Declaração de Aptidão ao Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar).

SÃO CARLOS/SP - No último sábado, dia 17 de outubro, foi realizado o Dia D da Campanha Nacional de Multivacinação, que acontece desde 5 de outubro e vai até o dia 30, para imunização de crianças de 1 ano até menores de 15 anos. 

De acordo com balanço da Vigilância Epidemiológica 1.774 crianças foram imunizadas contra a Poliomielite no Dia D, sendo 453 doses aplicadas em crianças de 1 ano, 412 de 2 anos, 487 em crianças de 3 anos e 422 em crianças de 4 anos. Desde o início da campanha, ou seja, desde 5 de outubro, 2.578 crianças foram vacinadas contra a polio, uma cobertura de apenas 22,58%.

112 crianças menores de 1 ano também receberam outras vacinas que fazem parte da multivacinação no Dia D. Desde o primeiro dia da campanha esse número chega a 624 crianças menores de 1 ano vacinadas contra algum tipo de doença. De 5 a 14 anos compareceram 1.934 crianças e jovens, porém somente 1.103 precisaram atualizar a caderneta de vacinação. Desde o início da campanha 2.348 crianças e jovens nessa faixa etária procuraram as unidades de saúde, sendo que 1.389 receberam uma das 18 vacinas disponíveis.

“Esperamos que os pais ou responsáveis ainda procurem uma das unidades da rede municipal de saúde até o dia 30 para atualizar a carteira de vacinação dos filhos. São vacinas disponíveis o ano todo, porém durante a campanha é um período propício para verificar se falta alguma dose”, ressalta Kátia Spiller, supervisora da Vigilância Epidemiológica.

As vacinas que fazem parte do calendário básico de vacinação da criança e do adolescente são: BCG, Hepatite A e B, Pentavalente (Difteria, Tétano, Coqueluche, Hepatite B e Meningite e infecções por HiB), Vacina Oral do Rotavírus Humano, Pneumocócica 10 valente, Febre Amarela, Tríplice Viral (Sarampo, Caxumba e Rubéola), Tríplice Bacteriana (DTP), dT (Difteria E Tétano), Tetraviral (Sarampo, Caxumba, Rubéola E Varicela), Meningocócica C e HPV. Contra a Poliomielite serão aplicadas a Vacina Oral Poliomielite (VOP), e a Vacina Inativada Poliomielite (VIP).

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Outubro 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31